Estudo sobre a utilização do ensaio de dureza superficial no controle tecnológico de fundações rasas do tipo radier

Os elementos de fundação em que as cargas são transmitidas ao terreno, podem ser do tipo superficial (também chamadas de rasas ou diretas). Incluem-se neste tipo de fundação o radier, um elemento que abrange todos os pilares da obra ou carregamentos distribuídos. Boas práticas construtivas, são essenciais para produzir uma estrutura de concreto durável, que dispense gastos com manutenção e reparos, deixando de utilizar novos recursos naturais. A resistência do concreto é a propriedade mais valorizada por projetistas e engenheiros de controle de qualidade. A avaliação do concreto após aplicado, pode ocorrer de diversas formas, sendo as mais usuais a extração de testemunhos para os ensaios de compressão ou através de ensaios não destrutivos, como o da "dureza superficial" com uso do "esclerometro de reflexão de Schimidt". Os valores apresentados pelo ensaio da esclerometria quando comparados a extração de testemunhos, em fundações do tipo radier, apresentam resultados muito semelhantes, com variações menores que 11%, e para ensaios de resistência a compressão de 22%. Além disso, o valor cobrado para a realização do ensaio de dureza supeficial por laboratórios especializados é 53% menor que para a extração e rompimento. O tempo para a realização da esclerometria é cerca de 20 min e já para a extração, capameamento/retificação dos corpos de prova e rompimento podem levar de 3 a 4 horas. Quanto aos custos, além do valor cobrado para a realização do ensaio ser menor, também possibilita que as próprias construtoras adquiram o equipamento, pois para comprar o esclerometro são necessários menos que13% dos investimentos para a aquisição do material do outro tipo de ensaio, facilitando que o controle seja realizado em todas as unidades habitacionais e não apenas com critérios de amostragem, geralmente empregados quando utilizado o outro método.

VALIN JR, M. O. ; CUNHA DA SILVA, R. S. . Estudo sobre a utilização do ensaio de dureza superficial no controle tecnológico de fundações rasas do tipo radier. In: 7º Congresso Internacional sobre Patologia e Reablilitação de Estruturas, 2011, Fortaleza. 7º Congresso Internacional sobre Patologia e Reablilitação de Estruturas, 2011.